Testemunho de Ir. Ana no Centro de Apoio a Educação Inclusiva

Testemunho de Ir. Ana no Centro de Apoio a Educação Inclusiva

Qui., 21 Abr. 22 Filhas da Igreja Solidariedade

Hoje, tive a alegria de fazer uma experiência na família CAEI – CENTRO DE APOIO A EDUCAÇÃO INCLUSIVA, direi família por se tratar de um Centro Apoio onde o time de profissionais constituem uma verdadeira família na busca do bem e do milagre cotidiano; é um trabalho sério para gerar transformação social, por meio da educação inclusiva, da formação e do desenvolvimento das capacidades e potencialidades humanas da pessoa com deficiência visual.

Foi amor a primeira vista, um novo horizonte se abriu pra mim no olhar de cada aluno, de cada educador que anseia pela construção de uma sociedade democrática, em que a justiça, o respeito pelo outro e a equidade se tornam mola mestra para os grandes princípios de ser e de estar consigo e com os outros, o que naturalmente gera uma humanização e torna o Centro verdadeiramente casa de inclusão.

Ser cristão num ambiente assim é viver o que a Igreja nos indica  a Campanha da Fraternidade de 2022 Fraternidade e Educação cujo lema: “Fala com sabedoria, ensina com amor” (Cf Pr 31,26)

Corroborando o texto introdutório da Carta dos Bispos para a CF 2022: “Educar é um ato eminentemente humano. Somos renovados quando aprendemos mais a respeito da vida e seu sentido, quando nos ensinam novos conhecimentos e quando percebemos que em nós existe a profunda sede de aprender e ensinar. Educar é também uma ação divina. ... Quando contemplamos as ações e palavras de Jesus, encontramos um caminhar educativo. Sua presença atenciosa junto às pessoas, a relação entre os milagres e a conversão, o uso de exemplos recolhidos do cotidiano... “
E você educador da CAEI faz o milagre da vida acontecer a cada dia quando uma pessoa pode ver através de você um mundo mais igual, mais justo e credível de que cada pessoa tem o seu valor e o seu espaço na sociedade.